Plano perde clientes

Fonte: Correio Braziliense

Por Rodolfo Costa

A crise econômica e do aumento do desemprego fez com que as operadoras de planos de saúde médico-hospitalares perdessem cerca de 766 mil beneficiários no ano passado, queda de 1,5% em relação ao ano anterior. O setor encerrou dezembro de 2015 com um total de 49,73 milhões de beneficiários, ante 50,50 milhões no fim de 2014, segundo dados do boletim Saúde Suplementar em Números, produzido pelo Instituto de Estudos de Saúde Suplementar (IESS) a partir da base de informações da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS).

Uma prova de que a piora do mercado de trabalho afetou negativamente os números é encontrada nos contratos coletivos empresariais, aqueles oferecidos pelas empresas aos funcionários. Esse foi o principal segmento a pressionar as perdas: o saldo foi negativo em 404,8 mil vínculos, uma diminuição de 1,2% em relação a 2014. Isso significa que, somente os planos coletivos empresariais responderam por 52,85% de todos os beneficiários que deixaram de ter plano de saúde em 2015.

Retração

O IESS, no entanto, constatou retração em todos os tipos de contratação. Os planos coletivos por adesão (aqueles firmados por intermédio de entidades de classe, por exemplo) registraram queda de 1,9% do total de vínculos no ano passado, na mesma base de comparação, com saída de 128,7 mil beneficiários. Já o total de associados de planos individuais ou familiares caiu 1,6%, o que representa 158,6 mil vínculos a menos. O superintendente executivo do IESS, Luiz Augusto Carneiro, avalia que a situação é “grave” e “preocupante”, porque a queda de receitas não está sendo acompanhada pela diminuição da variação dos custos para o setor.

Veja também

Medicina do trabalho pode reduzir custos com plano Fonte: Dia a Dia Por Ray Santos Embora a ordem em tempos de crise seja cortar custos, não convém mexer no plano de saúde empresarial. Afinal, o ...
Qualidade deve entrar na conta da saúde Fonte: O Globo - 20/09/2017 Por Glauce Cavalcanti O modelo de remuneração do segmento de saúde suplementar precisa mudar. É consenso entre prest...
Para ministro, uso de planos ajuda SUS Fonte: O Globo - 16/08/2017 Barros defende que serviço privado ‘alivia’ saúde pública. Especialistas veem desequilíbrio no sistema Por Glauce Ca...